Um ano novo de muita saúde!

ano-novoÉ oficial: 2015 ficou para trás! A Clinipam deseja a você um 2016 com muita saúde, bem-estar e disposição! Que neste Ano Novo seus planos, metas e desejos se concretizem e que o resultado do seu trabalho e dos seus esforços feitos em 2015 se reflitam em 2016.

Se o ano que passou não representou muitas mudanças para você, desejamos que este seja o seu ano. Que as dificuldades de 2015 sejam transpostas e que os erros possam se transformar em experiências e lições.

Feliz Natal!

faliz-natalCeia pronta, repleta de delícias calóricas que prometem fazer desse Natal uma verdadeira delícia. É hora de respirar fundo e ser forte para não cair no exagero.

Não á apenas de sacrifícios que devemos viver a vida, merecemos aproveitá-la em sua plenitude. É por isso que o equilíbrio se faz necessário. Neste Natal, aproveite bem as guloseimas que você procura evitar durante o ano, mas com cuidado. Apenas saboreie os alimentos gordurosos em pequenas quantidades e invista naqueles que fazem parte da sua dieta saudável: as frutas, legumes, verduras e carnes leves.

Proteja-se das doenças do verão

doencas-do-veraoCom a chegada do verão no próximo dia 21, devemos voltar nossa atenção para alguns cuidados que ajudam a prevenir as doenças típicas da estação.

Abaixo, você confere as principais delas e como se proteger das doenças do verão.

Insolação:

A insolação é muito perigosa. Ocasionada pela excessiva exposição ao sol, ela se manifesta quando a temperatura do corpo não consegue mais manter o equilíbrio. Ela ocasiona queima da pele e, em alguns casos, até mesmo disfunção cerebral. Para preveni-la, basta evitar o sol entre 10h e 16h, passar protetor com fator mínimo de proteção 30, usar chapéus e beber bastante água.

Dia Mundial de Luta Contra a AIDS

dia-mundial-de-luta-contra-a-aidsO Dia Mundial de Luta Contra a AIDS é celebrado no dia 1º de dezembro por uma decisão da Assembleia da Organização Mundial de Saúde, realizada em outubro de 1987, com apoio da ONU. No Brasil, a data passou a ser adotada a partir de 1988.

Segundo estimativas do Ministério da Saúde, o número de pessoas infectadas pelo HIV no Brasil é de aproximadamente 530 mil. Dessas pessoas, 25,4% não sabem que estão infectadas, e cerca de 30% dos pacientes ainda chegam ao serviço de saúde tardiamente.