Como prevenir o diabates?

Como prevenir o diabates?

Antes de dar informações sobre como previnir o diabetes, é importante distinguir seus dois tipos. O diabetes tipo 1, que ocorre geralmente em crianças e adolescentes, é caracterizado pela falta de insulina, hormôno responsável pelo controle de glicose no corpo. Ainda não são conhecidos todos os fatores que levam a pessoa a ter esse tipo de doença, também conhecida como diabetes mellitus, mas sabe-se que é hereditária e fatores externos, como estresse intenso, podem desencadeá-la.

Já no diabetes tipo 2, causado principalmente por fatores genéticos e pelo sendentarismo, o corpo continua produzindo insulina, mas o próprio organismo desenvolve resistência ao hormônio. “O diabetes tipo 2 está muito relacionado à obesidade. A gordura que se acumula no abdome promove inflamação e obriga o pâncreas a produzir cada vez mais insulina para que a glicose entre nas células”, disse o médico nutrólogo Celso Cukier à revista Veja.

Agora, como prevenir a diabtes? O diabetes 1 não pode ser evitada, só tratada. Já no caso do diabtes tipo 2 a prevenção, pode-se dizer, é fácil. Basta disciplina, força de vontade e orientação de um profissional de saúde. Abaixo, o blog da Clinipam selecionou algumas dicas, publicadas recentemente na Revista Veja, sobre como evitar o diabetes. Todo o conteúdo é baseado em pesquisas científicas feitas no exterior.

A primeira dica diz respeito à barriguinha. Deve-se perdê-la, pois o acúmulo visceral concentrado na região abdominal é um risco e tanto para adquirir a doença. Outra forma de evitar o diabetes é o exercício físico. Recomenda-se 30 minutos de atividades diárias. O estudo Diabetes Prevention Program (DPP) cita que mudança de estilo de vida é melhor que uso de medicamentos para evitar a doença.

O estresse, segundo levantamento feito no Canadá, faz as mulheres consumirem mais alimentos gordurosos e calóricos, o que aumenta a chance de contrair a doença.  Então, evite alimentos assim. Outra pesquisa, dessa vez publicada no Congresso Internacional de Endocrinologia, realizada na Itália, mostrou que o diabetes ocorre mais em pessoas que comem rápido. Portanto, coma devagar!

Já os pesquisadores de Harvard afirmaram que o risco de ter diabates tipo 2 aumenta 51% em pessoas que comem 50 gramas de carne vermelha processada por dia. No mesmo estudo, eles afirmam que se a pessoa que consome essas 50 gramas por dia as substituir por cereais integrais, os riscos diminuem 23%.

Substituir alimentos com farinha de trigo por integrais é outra alternativa de prevenção contra o diabetes tipo 2. Alimentar-se com frutas, queijos e iogurte também colabora para evitar o diabtes, desde que não em excesso. Por fim, segundo estudo americano da Faculdade de Medicina de Mount Sinai, nos Estados Unidos, o consumo de café descafeinado é capaz de melhorar o metabolismo, reduzindo o risco de diabetes.

O diabetes mata quatro vezes mais que a Aids no Brasil, segundo o Ministério da Saúde. Compartilhe essa informação!

Veja também: Dicas de uma alimentação saudável!