Como se proteger da caspa

tratar_evitar_caspa_plano_de_saudeDe repente, você notou que pequenas bolinhas brancas têm aparecido em suas roupas. Na região dos ombros, principalmente. Você coça a cabeça e, para o seu espanto, lá estão eles novamente, aqueles pontinhos brancos que tanto incomodam e, muitas vezes, causam constrangimento. Estamos falando da dermatite seborreica, mais comumente conhecida pelo nome de caspa.

E, não, a caspa não é causada simplesmente pela falta de higiene ou é caracterizada como algo contagioso. Esta doença nada mais é do que um processo de descamação da pelo do couro cabeludo provocada pelo excesso de sebo (óleo que recobre os fios) e pela proliferação de um fungo chamado Malassezia Globosa. Genética e alterações hormonais também estão relacionadas à caspa, explicam os dermatologistas Valcinir Bedin e Adilson Costa em entrevista ao portal MDEMULHER, da Abril.

Mas, se você sofre deste mal ou quer, de alguma maneira, se prevenir contra ele, há algumas alternativas as quais você deve se atentar. Separamos algumas delas para você:

SE VOCÊ TEM CASPA:
– Evite situações estressantes

– Tente fugir de variações bruscas de temperatura

– Lave os cabelos todos os dias com shampoo e condicionador especiais

– Evite refeições ricas em gordura e carboidratos refinados (macarrão, arroz, pães brancos)

– Evite tinturas e alisamentos, pois, se houver inflamação, a irritação pode ser ainda maior

SE VOCÊ QUER SE PREVENIR CONTRA A CASPA:
– Tome banhos com água morna ou fria (água quente resseca o couro cabeludo)

– Evite situações estressantes (novamente)

– Não permaneça com o cabelo úmido por muito tempo

– Utilize shampoos de prevenção contra caspa

– Não utilize dispositivos como secador e chapinha todos os dias

Embora a caspa não tenha cura, com as dicas acima você consegue reduzir seus efeitos ou preveni-la de forma mais eficaz. No entanto, se os sintomas da coceira ou da descamação persistirem, mesmo após tratamento, procure ou volte ao médico. Afinal, a caspa pode parecer inofensiva, mas, com saúde, nunca se brinca.