Erros de refração – Os problemas mais comuns da visão

erros-de-refracao1

Os erros de refração, divididos em miopia, hipermetropia, astigmatismo e presbiopia, são os problemas mais frequentes da visão humana.  Presente na maioria das pessoas, eles ocorrem quando a forma do olho evita que a luz se foque diretamente na retina.  Há, portanto, uma mudança na direção da luz, comprometendo a interpretação do cérebro sobre a paisagem observada.

A pessoa com miopia enxerga os objetos próximos com nitidez, enquanto os objetos à distância ficam embaraçados. Com a hipermetropia, essa visão é exatamente ao contrário: os objetos à distância ficam nítidos, enquanto aqueles próximos parecem turvos.  O astigmatismo, por sua vez, deixa a percepção das imagens borradas ou mesmo alargadas; enquanto a presbiopia – mais relacionada à idade adulta – dificulta a visão dos objetos mais próximos.

erros-de-refracao2

Quem corre risco de ter os erros de refração?

A presbiopia afeta a maioria dos adultos com mais de 35 anos. Os demais erros de refração ocorrem tanto em adultos quanto crianças. A hereditariedade aumenta as chances de ter esses problemas. Sintomas dos erros de refração

Sintomas

A visão borrada é o sintoma mais comum dos erros de refração. Outros sintomas incluem:

  • Visão dobrada
  • Visão nublada
  • Necessidade de fechar os olhos para ler
  • Dores de cabeça
  • Cansaço visual

Como diagnosticar

Um oftalmologista pode diagnosticar os erros de refração durante um exame completo de olhos com dilatação das pupilas. Muitas vezes, as pessoas vão até esse especialista porque estão sentindo incômodos com a visão, no entanto o problema pode já existir mesmo sem os sintomas estarem claramente presentes.