Proteja-se das doenças do verão

doencas-do-veraoCom a chegada do verão no próximo dia 21, devemos voltar nossa atenção para alguns cuidados que ajudam a prevenir as doenças típicas da estação.

Abaixo, você confere as principais delas e como se proteger das doenças do verão.

Insolação:

A insolação é muito perigosa. Ocasionada pela excessiva exposição ao sol, ela se manifesta quando a temperatura do corpo não consegue mais manter o equilíbrio. Ela ocasiona queima da pele e, em alguns casos, até mesmo disfunção cerebral. Para preveni-la, basta evitar o sol entre 10h e 16h, passar protetor com fator mínimo de proteção 30, usar chapéus e beber bastante água.

Intoxicação alimentar:

No verão, os alimentos precisam de mais refrigeração e mais cuidados com a higiene na hora de manuseá-los. Fique de olho no tipo de comida que você está comprando. Se ela não estiver fresca o suficiente, não deve ser ingerida porque pode conter bactérias, parasitas ou vírus causadores de contaminação. Conheça a procedência dos restaurantes e da comida que está sendo servida.

Desidratação:

Já vimos aqui no blog que para se hidratar você pode contar tanto com a água na sua forma clássica quanto com alimentos ricos na quantidade do líquido. No verão, suamos muito mais e, por isso, perdemos muito mais água. É preciso reidratar-se constantemente para auxiliar o corpo a manter a temperatura do organismo em equilíbrio. Dois litros de água, sucos naturais ou água de coco ajudam a prevenir a desidratação.

Micoses:

A micose gera coceiras muito desagradáveis, ardência e bolhas na pele. Com o calor intenso do verão, ela se manifesta mais facilmente já que deixamos nosso corpo mais exposto à ação de fungos. Para evitá-la, use sempre meias limpas, tênis fechados, seque bem o pé antes de vestir a meia e evite ficar tempo demais com roupas de banho molhadas no corpo.

Bicho geográfico:

A areia úmida abriga os parasitas que causam o bicho geográfico e deixam aqueles traços vermelhos na pele. Não leve seus animais de estimação para a areia da praia. Eles podem defecar e deixá-la toda contaminada. Para prevenir-se, utilize chinelos para caminhar evite sentar diretamente na areia.

Dengue:

Temperaturas acima de 30º C  e água parada são um prato cheio para a proliferação do mosquito da dengue. A doença transmitida pelo mosquito Aedes Aegypti é muito perigosa e pode até matar. Para evitá-la, deve-se cortá-la pela raiz. Impeça a proliferação do mosquito evitando deixar água parada nos lugares em que isso acontece.