Quais são os tipos e como evitar a herpes?

clinipam-plano-de-saude-herpes
A herpes é uma doença causada por um vírus que possui duas formas: simples e zoster. Na forma simples, a doença ataca os lábios e a genitália, enquanto o vírus zoster manifesta-se, geralmente, na região do tórax.

No primeiro tipo, o vírus afeta a mucosa da boca e o entorno dos lábios, gerando sintomas como bolhas, dores e vermelhidão. No segundo, que é a forma mais grave da doença, a causa está ligada ao mesmo vírus da catapora, ou varicela. As lesões são semelhantes àquelas presentes na herpes simples, mas atingem uma área mais extensa, chamada de dermátomo.

Atualmente, o vírus da herpes atinge 640 mil pessoas todo ano no Brasil. Cerca de 1.700 pessoas são infectadas todos os dias. E não tem jeito. Depois de contraído o vírus, ele não vai mais embora, podendo aparecer em casos de tristeza, estresse ou baixa imunidade. Porém, há formas de se prevenir contra este mal.

O essencial é não dividir copos, talheres e batons com quem está infectado, uma vez que a herpes é altamente contagiosa. Manter o bom funcionamento do sistema imunológico e usar preservativos durante as relações sexuais também é essencial, assim como praticar atividades físicas e se alimentar corretamente. Todavia, se já é tarde demais, o tratamento consiste em medicamentos de uso oral e local.