Saiba por que ocorre a dormência em membros do corpo

clinipam-plano-de-saude-dormencia
Quando pensamos nas curiosidades do corpo humano, é impossível não nos lembrarmos da dormência que alguns de nossos membros sofrem quando passamos muito tempo com eles em uma determinada posição. Mas isso tem explicação e nós vamos te contar qual é.

Sentar sobre o pé. Dormir sobre o braço. Ficar com perna flexionada por muito tempo. Todos esses são exemplos de situações que levam à dormência, que nada mais é do que o comprometimento da circulação do sangue devido à pressão nos nervos. Ou seja, qualquer posição que exerça qualquer tipo de pressão sobre o membro e impeça que o sangue circule na região causará a sensação esquisita, pois é como se o seu cérebro estivesse dizendo que há algo errado e que a comunicação dele com os músculos foi cortada.

O fato, entretanto, é comum e não é motivo de alarde. Para que o membro volte ao normal, é só alterá-lo de posição e estendê-lo. Desta forma, a circulação volta ao normal e, consequentemente, a sensibilidade do braço, perna ou pé, por exemplo, também.

Todavia, se a sensação tem ocorrido com frequência, mesmo sem pressão alguma em nenhum membro do corpo, é preciso ficar alerta, pois pode ser um sinal de diabetes. De acordo com o ortopedista José Marques Neto, da Clínica Paulista de Esportes, em entrevista à Abril, a diabetes podem interferir nos nervos. “Em estado avançado, o diabetes compromete alguns nervos pequenos nas pernas. O paciente fica com formigamento constante e perde a sensibilidade da planta dos pés e dos dedos das mãos”.

Então, fique atento, pois a brincadeira pode ser, na verdade, algo sério.