Como prevenir crises de alergia

Como prevenir crises de alergia

Seja no inverno ou no verão, as crises alérgicas resolvem aparecer, de tempos em tempos. Nariz entupido, coceira nos olhos e tosse já são indícios de que um novo ataque está por vir. Além de desconforto e mal-estar, as atividades diárias também podem ser prejudicadas por causa das alergias. Na primavera, alguns casos podem se agravar ainda mais, e você também pode ser responsável pelo surgimento das crises.

Por isso, hoje o blog da Clinipam traz dicas para prevenir crises de alergia, mal que faz parte do cotidiano de vários brasileiros. De acordo com a alergologista Cinara Sorice, o surgimento de quadros alérgicos se dá, sobretudo, pela hereditariedade. “Quando um dos pais é alérgico, você tem até 40% de chance de desenvolver uma alergia, já se pai e mãe forem alérgicos, você tem até 80% de chance.”

Entre os principais fatores para o desenvolvimento de alergias, estão os ácaros da poeira, pólens das flores, fungos, pelos de animais e alguns alimentos. Por ser um problema hereditário, não se fala em cura, mas em controle da doença. “Com o tratamento se espera que haja uma diminuição dessas crises”, fala  Cinara.

Prevenção no recém-nascido: Teste da Orelhinha

 

Prevenção no recém-nascido: Teste da Orelhinha

 

Bebês não falam, mas eles interagem com os adultos direcionando o olhar quando ouvem sons. Por isso, é muito importante fazer o teste da orelhinha já nos primeiros dias de vida, pois com ele é possível detectar se há problemas auditivos no recém-nascido ou uma tendência a tê-los. Hoje, no blog da Clinipam, você conhece um pouco mais sobre esse teste e sua importância.

Desde agosto de 2010 o teste da orelhinha é obrigatório por lei, devendo ser feito entre as primeiras 48h até, no máximo, os 3 meses de vida. Além do fator genético, há vários outros que podem desencadear a perda auditiva, entre eles, a perda de oxigênio durante o parto e até mesmo o uso de antibióticos.

De acordo com especialistas a melhor maneira de prevenir doenças auditivas é descobrir o problema o quanto antes. Se fizer um diagnóstico precoce antes dos seis meses, a criança pode ter uma intervenção precoce, um tratamento precoce, através de implante coclear ou outras técnicas, e ela pode ter uma vida normal. Já se o diagnóstico não for feito o quanto antes, a descoberta só vem lá pelos cinco anos de idade, ou seja, já torna-se tarde e a criança já perdeu muito tempo de aprendizado.

Pele: aliada na descoberta de doenças e disfunções

Pele: aliada na descoberta de doenças e disfunções

Hoje, o blog da Clinipam fala sobre o maior órgão do nosso corpo, a pele. É nela que muitos sinais de doenças e disfunções aparecem, seja em forma de irritações, saliências, ou mudança de textura. Isso não significa que qualquer alteração deve ser sinal de desespero, mas uma visita ao dermatologista é sempre importante e recomendado, assim, ele pode avaliar corretamente o caso e passar o diagnóstico.

De acordo com a dermatologista da Universidade Federal de São Paulo, Marcia Pureli, são as glândulas, terminações nervosas, vasos sanguíneos e outras estruturas da membrana que causam as mudanças de aparência ou textura da pele. “As informações dos órgãos são trazidas para a pele por meio do sangue que circula nos vasos presentes na derme”. E é por isso que a cútis consegue sinalizar determinados males.

Fones de ouvido e os problemas de audição

Fones de ouvido e os problemas de audição

Hoje em dia, ao andar na rua, é comum ver fones de ouvido em diversas orelhas, principalmente nas de jovens e geralmente com sons em alto volume. Essa atitude ameaça gravemente a saúde, já que causa ou antecipa perdas auditivas irreversíveis a longo prazo. No blog da Clinipam você vai conhecer os sinais de problemas auditivos e saber sobre os cuidados que devemos ter com a audição.

Cerca de 25 a 30 milhões de brasileiros se queixam de zumbido, sintoma do início de surdez. “Nós classificamos a perda auditiva em 4 graus: leve, moderado, severo e profundo”, explica o otorrinolaringologista, Rogerio Hamerschmidt. Uma perda leve compromete até 20% da audição, a moderada, de 50% a 60%, a severa, até 80% e acima disso a perda é considerada profunda.

Hamerschmidt afirma que quanto maior a perda auditiva, maior o impacto na vida da pessoa. Uma perda leve, por exemplo, pode não trazer muitos sintomas, no máximo, um zumbido no ouvido. “Numa perda moderada começam as alterações para atender ao telefone, o volume da TV começa a aumentar e, no caso de crianças, ela já começa a ter um mau rendimento escolar, porque não consegue acompanhar os ensinamentos da professora”.

Clinipam faz aniversário

 

Clinipam faz aniversário

A Clinipam – Clínica Paranaense de Assistência Médica – completa 30 anos de existência hoje, dia 1º de setembro. Quando foi criada, em 1983, era uma sala pequena, localizada em um shopping aqui de Curitiba. Atualmente, é uma grande instituição e referência na área da saúde.

São hospitais, laboratórios, programas de saúde ocupacional, centros de qualidade de vida, unidades de atendimento médico e outros serviços oferecidos em Curitiba e Região Metropolitana.
A empresa busca ser reconhecida como a melhor opção em saúde e bem estar.  E para alcançar tal desejo, prima pelo respeito, pela ética e pela dignidade, tanto dos pacientes como dos colaboradores.
Depois de 30 invernos, ampliação de estrutura, inovação em tecnologia e expansão dos planos oferecidos, nós queremos agradecer a todos que ajudaram a construir esta história. Obrigado.
 “A alegria de fazer o bem é a única felicidade verdadeira”. (Leon Tolstoi)

Prevenção reduz número de casos de câncer no Brasil

Prevenção reduz câncer

Pesquisa realizada pelo Inca (Instituto Nacional de Câncer) mostrou que a prevenção do câncer do útero – feita com o exame Papanicolaou – reduziu a taxa de mortalidade por causa da doença em 7,9% ao ano, em Curitiba. Já em São Paulo, cidade brasileira que concentra o maior número de fumantes, a prevenção ao câncer de pulmão, causado principalmente pelo cigarro, diminuiu o número de mortes em 2,2% ao ano.

A prevenção reduz a possibilidade do aparecimento da doença. O World Cancer Research Fund (WCRF), instituição que faz pesquisas na área, sugere que uma vida saudável, sem excesso de gordura e com prática constante de atividades físicas, colabora para o não aparecimento do câncer.

O ideal é fazer atividade física pelo menos 30 minutos por dia, pois isso protege contra tumores de intestino e de mama.  Além disso, deve-se evitar alimentos com excesso de gordura e açúcar.

Bem-vindo ao blog da Clinipam

Blog da Clinipam

Caro leitor, seja bem-vindo ao blog da Clinipam! Aqui, vamos publicar dicas de saúde, informações sobre medicina preventiva e saúde mental, novidades da ciência, orientações para mamães de primeira viagem e muito mais. A ideia é que este espaço se transforme no seu canal de informações sobre saúde e bem-estar.

A Clinipam – Clínica Paranaense de Assistência Médica – iniciou suas atividades em setembro de 1983, em uma pequena sala de um shopping de Curitiba. Naquela época, atendia apenas os lojistas que precisavam de cuidados na área de saúde. Com o tempo, a procura foi tão grande que surgiu a ideia de montar um plano de saúde.

Hoje, são hospitais, laboratórios, programas de saúde ocupacional, planos de farmácia, centros de qualidade de vida e muitos outros serviços oferecidos em Curitiba e Região Metropolitana. A Clinipam é sinônimo de saúde. E é por isso que lançamos este blog: para compartilhar todo nosso know-how e nos aproximar de você!

Participe, comente, compartilhe e envie sugestões de pautas. Construa este blog junto com a gente! ^^