Pesquisa relaciona diabetes e adoçante

Um estudo publicado na revista Nature, voltada para a veiculação de artigos científicos da área de saúde, mostra que o uso de adoçantes está relacionado ao desenvolvimento da intolerância à lactose, uma das etapas do primeiro estágio da diabetes, ou pré-diabetes.

Para chegar ao resultado, os pesquisadores utilizaram animais e roedores. Eles foram divididos em grupos: a metade tomou adoçante e a outra água ou açúcar. Como resultado, aqueles que tomaram adoçante desenvolveram intolerância à lactose.

Alerta: mortes por obesidade triplicam no Brasil

clinipam-plano-de-saude-obesidade
De acordo com dados do Estadão Dados, que se baseou em números do Datasus, as mortes devido à obesidade triplicaram no Brasil em dez anos. Em 2011, o número chegou à marca de 2.930, o que representa um crescimento de 196% se comparado ao ano de 2001, quando foram registradas 801 mortes.

A pesquisa leva em conta todas as mortes relacionadas direta ou indiretamente à obesidade. Ou seja, males que provém do sobrepeso, como diabetes e câncer, por exemplo, também foram considerados, porém, só fizeram parte do estudo quando atestado que a obesidade gerou as doenças.

Como cuidar da saúde do rim

clinipam-plano-de-saude-como-cuidar-rim
Como bem sabemos, todo ser humano possui dois rins, que estão localizados na região lombar, acima da cintura, nos dois lados da coluna vertebral. Mas você conhece as funções que eles exercem e os motivos pelos quais devemos mantê-los saudáveis? Pois bem, nós contamos para você.

Dentre as funções que o rim apresenta, as principais são a eliminação de toxinas prejudiciais ao organismo por meio da filtração do sangue e a produção de hormônios que previnem o risco de problemas como a anemia e descalcificação dos ossos. Porém, além disso, os rins também controlam a quantidade de água e sal que circula pelo corpo, auxiliam no controle da hipertensão arterial e eliminam medicamentos e outras substâncias que possam fazer mal ao corpo.

14 de novembro de 2013: Dia Mundial do Diabetes

www

 Você sabia que na próxima quinta-feira, dia 14 de novembro, é comemorado o Dia Mundial do Diabetes? De 2000 a 2010, o diabetes foi responsável por mais de 470 mil mortes em todo o Brasil. A Clinipam não vai ficar de fora dessa data. Veja as informações sobre esse dia de prevenção e sobre a doença, que pode trazer consequências que afetam muito a qualidade de vida das pessoas.

O diabetes é uma doença metabólica, caracterizada pelo aumento anormal de glicose no sangue. Quando ingerimos alimentos, eles são quebrados em partículas de glicose que ficam no sangue e que são utilizadas para a produção de energia. Para a glicose entrar nas células, ela precisa de ajuda da insulina (hormônio produzido no pâncreas). Quando o pâncreas produz pouca insulina ou quando as células não respondem à insulina produzida, a pessoa é diagnosticada com diabetes. A glicose do sangue passa a ir direto para a urina, ou fica no sangue (aumentando a glicemia). Com isso, o corpo perde sua principal fonte de combustível.

O Dia Mundial do Diabetes foi instituído em 1991 pela International Diabetes Federation (IDF) em parceria com a Organização Mundial da Saúde (OMS) devido ao grande número de casos em todo o mundo. A ideia foi criar uma data para lembrar as pessoas sobre a prevenção e o tratamento adequado, na busca por reduzir os impactos da doença sobre a população. A Diabetes Mellitus está entre as 5 doenças que mais matam, e chega cada vez mais perto do topo da lista.

O que é pré-diabetes?

O que é pré-diabetes?

Você já ouviu a expressão pré-diabetes? Sabe o que ela significa? Segundo a Sociedade Brasileira de Diabetes, o pré-diabético é aquela pessoa com propensão a desenvolver a doença.

Os pré-diabéticos são caracterizados por ter no sangue mais açúcar do que o normal. A taxa das pessoas nessa condição varia de 100 a 125 mg/dl. Existem exames capazes de detectar isso.