Dia mundial do Combate ao Câncer

Leucemia infantil cada vez mais perto da cura
O Dia Mundial do Combate ao Câncer, celebrado no dia 8 de abril, tem como objetivo discutir a prevenção e as formas de tratamento da doença. A data é uma iniciativa da União Internacional para o Controle do Câncer (UICC) em parceria com a Organização Mundial da Saúde (OMS),

Atualmente, o câncer é a segunda doença que mais mata em todo o mundo, ficando atrás apenas das enfermidades cardiovasculares. E, segundo dados do Instituto Nacional do Câncer (INCA), cerca de 580 mil novos casos da doença devem aparecer no ano de 2014 no Brasil, sendo 182 mil deles diagnósticos de câncer de pele não-melanoma, que é o câncer mais recorrente.

Dia Mundial da Saúde

clinipam-plano-de-saude-dia-mundial-saude
De acordo com os conceitos estipulados pela Organização Mundial da Saúde (OMS), a saúde é mais do que estar simplesmente livre de doenças. Ela consiste em um conjunto de fatores que envolvem bem-estar físico, mental e social. E, para que nos lembremos disso, a organização criou, ainda em 1948, o Dia Mundial da Saúde, que é celebrado no dia 7 deste mês.

E, em referência a esta importante data, nós, da Clinipam, atentamos você, prezado leitor, para os principais cuidados necessários com a sua saúde. São eles: boa higienização, alimentação saudável, realização de atividades físicas, exames preventivos e informações sobre doenças.

Como se livrar do chulé

clinipam-plano-de-saude-chulé
O suor excessivo é um incômodo presente na vida de muitas pessoas em todo o mundo. Nos pés, ele causa o tão temido chulé, que gera constrangimento em locais públicos, quando se é necessário tirar os sapatos. Mas, se você sofre com isso, não se preocupe. Há solução e nós a contaremos para você no post de hoje.

Mas, antes, entendamos o que causa o chulé. Ele nada mais é do que a combinação de suor com bactérias nos pés. Essa reação química ocorre da seguinte maneira: o corpo humano transpira para que a temperatura de dentro do organismo possa ser regulada, e com os pés não é diferente. Todavia, como os pés são cobertos por calçados, não há forma do suor se dissipar. E isso faz com que ele seja fermentado com as bactérias da pele, causando o chulé.

Entenda a conjuntivite

clinipam-plano-de-saude-conjuntivite
A conjuntivite nada mais é do que a inflamação da conjuntiva ocular, que consiste em uma membrana transparente e fina que reveste a parte da frente (branca) do globo ocular e o interior das pálpebras.

Ela é responsável por produzir muco para cobrir e lubrificar os olhos. Além disso, possui pequenos vasos sanguíneos que, quando há irritação ou inflamação na conjuntiva, alargam-se e destacam-se, causando a vermelhidão nos olhos. Isso que pode durar de uma semana até quinze dias, dependendo do caso.

Os riscos de se roer unhas

clinipam-plano-de-saude-roer-unhas
Quem tem o costume de roer as unhas sabe o quanto a prática pode ser desagradável, porém involuntária. É encontrar-se em uma situação de ansiedade ou estresse e, pronto, lá está você novamente com as unhas na boca, sem perceber. O problema é que roer as unhas pode fazer mais mal do que você imagina.

O vício em roer unhas, chamado de onicofagia, promove a destruição de elementos importantes para o nosso corpo, como a cutícula e a pele, que são responsáveis por nos proteger dos agentes externos (vírus e bactérias) que querem colonizar nosso corpo. A região roída também pode sofrer com inflamação e pus, devido às feridas causadas pelos dentes.

Como se desenvolve a gastrite

clinipam-plano-de-saude-gastrite
A gastrite nada mais é do que uma inflamação do epitélio estomacal (revestimento do estômago). É causada, geralmente, pela ingestão excessiva de álcool e determinados medicamentos, como analgésicos e anti-inflamatórios. Ou, ainda, pode ser fruto de uma infecção no estômago, originada pela bactéria Helicobacter Pylori.

Uma das piores características da gastrite é sua “invisibilidade”. Muitas pessoas não conseguem perceber que possuem o problema, uma vez que os sintomas podem ser confundidos com os de outras doenças. Os sintomas mais comuns que podem ser notados, entretanto, são perda de apetite, náusea, vômito, dor na parte superior da barriga ou do abdômen e azia. Se a gastrite estiver causando sangramento na parede do estômago, os sintomas também poderão incluir fezes escuras e vômito com sangue.

Entenda o que é hérnia de hiato

clinipam-plano-de-saude-hernia-de-hiato
A hérnia de hiato ocorre quando uma parte do estômago, o esôfago, se projeta para dentro do tórax por meio de uma abertura do diafragma, músculo com função respiratória que divide o abdômen do tórax. Essa abertura é conhecida como hiato esofágico e, devido ao seu alargamento, ocorre o que se denomina hérnia de hiato.

O que causa este alargamento, no entanto, ainda é um mistério. O que se pode afirmar sobre esta complicação, no entanto, é que ela dificulta o fechamento completo do estômago, facilitando a saída ou refluxo da substância ácida produzida no estômago para o interior do esôfago, causando uma sensação de queimação conhecida popularmente como azia.

Entenda o que é a sinusite

clinipam-plano-de-saude-sinusite
A sinusite é uma inflamação das vias respiratórias superiores, nos seios da face: cavidades no interior dos ossos, ao redor do nariz, maçã do rosto e olhos. Surge após gripes ou crises alérgicas, que favorecem o acúmulo de muco. Pode, também, ser causada pelo desvio de septo, embora bactérias, vírus e fungos sejam suas principais aliadas.

O que ocorre é que, como os seios da face têm a função de auxiliar na formação da voz, aquecer o ar que inspiramos e também diminuir o peso do crânio, eles são cobertos por uma mucosa, responsável por mantes esta região limpa. Quando esta mucosa é atacada, portanto, a comunicação entre as cavidades é fechada e a ação protetora da mucosa é inibida. Desta forma, nasce a sinusite.

Dia Mundial da Luta contra o Câncer

facebook
De acordo com dados do Instituto Nacional de Câncer (Inca), o câncer é a segunda causa de morte mais incidente no Brasil, ficando apenas atrás de doenças do coração. Para que população e autoridades atentem-se a este mal, portanto, foi instituído em 2005, pela União Internacional para o Controle do Câncer (UICC), o Dia Mundial da Luta contra o Câncer no dia 4 de fevereiro.

A data tem como objetivo demonstrar que ser diagnosticado com câncer não significa, de forma alguma, o fim. Aliás, muito pelo contrário. Apesar deste mal ter crescido de forma alarmante por todo o mundo, atingindo 12,7 milhões de pessoas por ano, medidas e estratégias de tratamento e prevenção tem sido desenvolvidas e se mostrado cada vez mais eficazes no combate a esta doença que, atualmente, provoca cerca de oito milhões de mortes por ano.

Dia Internacional da Hanseniano

dia hanseniano
Na última sexta-feira, dia 24, atentamo-nos para uma doença que, infelizmente, ainda causa certo receio e preconceito por parte de muitas pessoas: a Hanseníase. Para desmitificar alguns pensamentos e visões errôneas sobre o assunto, portanto, o post de hoje explicará o que é a doença, suas causas e que, sim, há tratamento contra este mal.

Também conhecida como lepra, por alguns, a Hanseníase é um doença infecciosa que atinge a pele e os nervos, causando manchas avermelhadas ou brancas, caroços e placas, perda de sensibilidade, fisgadas, dormências nas extremidades, formigamento e dores nos nervos do braço, pernas e pés.

É causada pela bactéria Mycobactrrium Leprae, que é transmitida de pessoa para pessoa por meio do ar (eliminação de germes por parte do portador e inalação do outro indivíduo) e contato direto (é necessário ser um contato prolongado). A maioria das pessoas, entretanto, acaba não manifestando a doença e a elimina por meio de suas defesas imunológicas.